3 sinais de que escolheu o melhor curso para você

melhor curso

Muitos estudantes, quando iniciam um curso de graduação, começam a ter dúvidas se, de fato, escolheram o melhor curso.

É um sentimento comum e que faz parte do processo. Isso ocorre pois na graduação, seja de qualquer área, algumas das disciplinas abordadas inicialmente parecem não ter relação com a atuação, ou porque ao se deparar com a prática o estudante percebe que não tem as habilidades necessárias e outras variadas questões.

Diante de tudo isso, resolvemos mostrar 3 sinais de que você escolheu o curso certo e que, apesar das dificuldades iniciais, manter-se nele trará bons resultados.

Quais são esses sinais?

1-     Entusiasmo

Sabe quando você encontra os amigos da escola ou os parentes e falar sobre o curso que está fazendo é um prazer?

Você fala com entusiasmo sobre os aprendizados, os olhos brilham e esse passa a ser um dos seus assuntos preferidos?

O entusiasmo é um excelente sinal de que escolheu o curso certo.

2-     Identificação com colegas e profissionais

Identificação tem relação com se sentir parte de algo. Quando, nas conversas com colegas de turma e professores, você se sente à vontade falando sobre o curso e a profissão, certamente você tem identificação.

3-     Imaginar a aplicação do que é aprendido

Apesar de muitas disciplinas serem bastante teóricas, dificultando para o aluno compreender como na prática isso seria utilizado, conseguir se imaginar aplicando o aprendizado é outro sinal importante.

Quando um conhecimento é transmitido e o aluno consegue se imaginar atuando como profissional, traz a clareza de que escolheu o curso certo.

Como sinais bônus, podemos acrescentar empolgação com disciplinas específicas e a análise de que os gostos que te levaram à escolha ainda permanecem.

Mas e se eu não enxergar os sinais?

Não escolher o curso certo é mais comum do que se imagina e existem diversas formas de contornar essa situação.

Se essa percepção vier no começo do curso, e de fato descobrir que não é o caminho que quer seguir, mudar de curso é a melhor opção.

Porém, nesse momento é importante pensar bem sobre o novo curso. Um teste vocacional pode colaborar nessa escolha de novo caminho.

Se a descoberta acontece do meio para o final do curso, é preciso fazer uma análise mais minuciosa e entender o quanto vale a pena finalizar a graduação e utilizar o diploma e os conhecimentos de alguma forma.

Muitas áreas são correlatas e propiciam um profissional com uma formação para atuar em outra. Uma segunda opção é buscar uma pós-graduação numa área que tenha mais afinidade para atuar.

É importante ressaltar que nenhum conhecimento adquirido é perdido e que, como a maioria dos alunos ingressam na graduação muitos jovens, fazer uma segunda graduação ou algumas pós-graduações não atrapalha sua entrada no mercado de trabalho. E, em muitos casos, colabora até para melhores colocações.

O essencial é sempre avaliar com muita calma se foi escolhido o curso certo ou não e tomar as atitudes, analisando as alternativas de forma clara, objetiva e com paciência.

Se quiser saber mais sobre as opções de graduação e pós-graduação do UniDomBosco, acesse o site e se mantenha sempre atualizado acompanhando o blog e as redes sociais.