Já ouviu falar em intercâmbio profissional?

intercâmbio profissional

É bastante comum os estudantes no Ensino Médio se interessarem pelo intercâmbio, porém muitos não sabem que passada essa fase também é possível e comum fazer o chamado intercâmbio profissional.

O intercâmbio, nos dias de hoje, nada mais é que morar por um determinado tempo em um outro país, com um objetivo definido, como estudo ou trabalho.

No caso do intercâmbio profissional, o objetivo principal, obviamente, são as experiências profissionais.

Qualquer pessoa pode fazer um intercâmbio profissional?

Na teoria, podemos dizer que sim. Porém, na prática, a verdade é que é preciso ter alguns tipos de conhecimento, principalmente da língua do país no qual vai morar, para poder realizar o intercâmbio.

Quanto custa esse tipo de intercâmbio?

O valor varia muito e depende de aspectos como qual país, quanto tempo, qual agência a ser contratada.

É bastante importante buscar uma agência que seja conhecida no mercado e conversar com pessoas que já utilizaram o serviço.

Além de ser um valor alto investido, deve-se ter em mente que viver num país diferente, sem nenhum tipo de respaldo, pode ser muito difícil.

Quais são os tipos?

Existem vários tipos e vamos dar 4 como exemplo.

Se você se interessa pela ideia, é importante buscar maiores informações, principalmente com quem viveu a experiência.

  • Estágio

É uma boa opção para quem busca trabalhar na sua área de formação, porém não é o tipo de intercâmbio mais fácil de conseguir.

Algumas áreas possuem mais oportunidades do que outras, como as de gastronomia e hotelaria.

Alguns países têm mais facilidade em receber estagiários e outros nem tanto, porém cada país tem suas regras e é essencial conhecê-las.

  • Work and travel

Esse tipo se encaixa bem para os estudantes universitários com idade entre 18 e 28 anos, pois ocorre principalmente entre os meses de novembro e fevereiro. É possível ficar de 3 a 4 meses e um deles é para passear e conhecer o país.

É uma experiência profissional nos Estados Unidos, para trabalhar durante as férias. São funções normalmente operacionais, como caixas de restaurantes ou garçom, por exemplo.

  • Talentos globais

Esse é um programa de uma organização sem fins lucrativos chamada AIESEC.

Ele oferece oportunidades de trabalhar no exterior de 3 a 12 meses, de forma remunerada, em empresas de diferentes áreas.

  • Trabalho voluntário

Essa é uma forma escolhida por muitos profissionais das mais diferentes áreas e que alia a experiência profissional com a humanitária.

Para aqueles que conseguem realizar esse tipo de intercâmbio, sem precisar receber pagamento durante esse tempo, ele é considerado dos mais enriquecedores. Tanto para o currículo quanto para o lado pessoal.

Existem outros tipos de intercâmbios profissionais e, como já dissemos, o ideal é buscar empresas de confiança. Com as informações obtidas é possível entender bem qual deles é o mais adequado para cada tipo de estudante ou profissional.

Já fez um intercâmbio profissional? Conta nos comentários e continue acompanhando o Blog.