Alimentação saudável e desempenho

alimentação saudável

Muito tem se falado nos dias de hoje sobre alimentação saudável e desempenho. Desempenho de forma geral e em todas as áreas da vida.

Muitos estudos também têm sido realizados sobre o assunto, devido a sua importância e benefícios.

Alimentação saudável e desempenho físico

De acordo com a Organização Mundial da Saúde…

“…As novas diretrizes recomendam pelo menos 150 a 300 minutos de atividade aeróbica moderada a vigorosa por semana para todos os adultos, incluindo quem vive com doenças crônicas ou incapacidade, e uma média de 60 minutos por dia para crianças e adolescentes…

…A atividade física regular é fundamental para prevenir e controlar doenças cardíacas, diabetes tipo 2 e câncer, bem como para reduzir os sintomas de depressão e ansiedade, reduzir o declínio cognitivo, melhorar a memória e exercitar a saúde do cérebro…”

“A alimentação não saudável e a falta de atividade física são os principais riscos globais para a saúde.”

Na verdade, nem é preciso muitas pesquisas para mostrar que, quando temos uma alimentação mais saudável, o corpo funciona de forma mais efetiva e, com isso, a prática de atividades físicas se torna mais fácil e com melhores resultados. Basta uma pequena mudança nesses hábitos simples, que qualquer um pode afirmar o que as pesquisas dizem.

Porém, para os que precisam de comprovações, vamos falar um pouco sobre uma pesquisa que fala sobre alimentação saudável e desempenho profissional.

Alimentação está diretamente ligada ao desempenho profissional

Os dados dessa pesquisa mostram que, por exemplo, o sobrepeso faz com que as atividades diárias se tornem mais desgastantes, trazendo uma postura da coluna inadequada, que gera dor e desconforto e que afeta no desempenho e na produtividade.

Outro exemplo dado é que uma alimentação mal balanceada pode ocasionar falta de concentração, baixa de disposição, mau humor, o que obviamente afeta não somente a produtividade como também o ambiente de trabalho.

Profissionais da área de recursos humanos colocam que muitos dos afastamentos e faltas têm relação com obesidade e doenças crônicas, e os profissionais da saúde colocam que muitas dessas doenças podem ser tratadas, melhorando a qualidade de vida, com base numa alimentação saudável.

A quantidade de profissionais em busca de tratamentos para insônia, ansiedade e depressão também aumenta a cada dia que passa e muitos estudos mostram que aliar alimentação saudável a bons hábitos colabora positivamente nesses tratamentos.

Até a Burnout, síndrome que vem afetando muitos profissionais, tem como indicação de tratamento a melhora da qualidade de vida e isso inclui melhora na alimentação.

Tudo isso mostra a importância e a relação entre alimentação saudável e desempenho e o quanto é preciso dar a devida atenção ao assunto.

Todos que buscam um melhor desempenho, em todas as áreas da vida, devem buscar recursos para tal e muitas vezes alguns deles são bem simples como, por exemplo, manter uma melhor alimentação e praticar atividades físicas.

Você já tinha parado para pensar nessa relação de alimentação saudável e desempenho? Conte nos comentários.

Continue acompanhando o Blog para se manter sempre atualizado.